ORDEM DA VISITAÇÃO DE SANTA MARIA

Vida contemplativa Clausura Papal
 
 

Hora de presença (pág 2 de 2)

O Papa Pio IX abençoou a Obra nascente. Três anos mais tarde, em junho de 1867, Irmã Maria do Sagrado Coração inicia a composição do Manual que seria utilizado pelos Associados.

A Associação tem por Patronos: Nossa Senhora do Sagrado Coração, São José, São Francisco de Assis, São Francisco de Sales e Santa Margarida Maria Alacoque. E os membros professam um amor e um respeito particulares à Sagrada Eucaristia.

O Papa Pio IX pede a sua inscrição na Guarda de Honra em 25 de março de 1872, e no mês de junho realiza-se a fundação canônica da Associação, na Itália.

Uma consagração solene ao Divino Coração é prescrita por Pio IX, na festa do Sagrado Coração de Jesus, em 16 de junho de 1875. No mês seguinte, durante a audiência a uma importante delegação de Associados, o Papa dirá que uma das suas mais agradáveis glórias era o título que recebera de Guarda de Honra do Sagrado Coração de Jesus.

Também em Montmartre, França, foi estabelecido o Quadrante, por ocasião da abertura da Capela provisória do Voto Nacional, no dia 3 de março 1876. Dois anos mais tarde, no dia 26 de novembro, a Associação foi erigida em Arquiconfraria pelo Papa Leão XIII, na França e na Bélgica; logo em seguida, em outros dezenove países.

No Brasil, a fundação da Associação “Guarda de Honra” aconteceu em 25 de outubro de 1876. Por concessão do Papa Leão XIII, em 1894, foi elevada a Arquiconfraria, tendo como centro a Diocese de Diamantina, Minas Gerais, onde permanece até os dias de hoje.

A partir de 1977 a “Guarda de Honra” passou a denominar-se “Associação Hora de Presença diante do Coração de Jesus”, conforme os estatutos definitivamente aprovados pelo Conselho Pontifício para os Leigos (Vaticano, 6 de dezembro 1977).

Atualmente a sede da Associação encontra-se no Mosteiro da Visitação de Santa Maria em Paray-le-Monial, França.

Como se vive uma “Hora de Presença”.

Se é bem compreendida, a Hora de Presença expressa muito simplesmente a idéia de que durante um curto espaço de tempo – 1 hora – a pessoa leiga, ou um religioso, uma religiosa, um sacerdote, se esforçará por viver mais profundamente sua união com Cristo, não tendo outra intenção nem outros pensamentos, ou sentimentos, senão os do Coração de Jesus. A Hora de Presença não pede nenhuma mudança nas ocupações habituais, ou que envolvam dever de estado. As “orações de oferecimento” adotadas pela Hora de Presença são expressas no início da hora escolhida e santificam as atividades cotidianas. Não se trata de contabilizar Horas de Presença como se faz, por exemplo, um depósito bancário, e sim de viver intensamente a vida do dia-a-dia, dando-lhe uma orientação profunda que une a pessoa a Cristo e lhe oferece os meios de participar com Ele e Nele na Redenção e Salvação do mundo, pelo amor.

Apostolado da Hora de Presença

  • É uma obra maravilhosa que permite transformar as ações mais indiferentes em atos de amor e põe o coração humano em contato com o próprio Coração de Jesus.
  • Oferece a cada pessoa a possibilidade de aperfeiçoar-se em todos os seus atos.
  • Satisfaz os anseios de quem deseja que o reinado do Sagrado Coração de Jesus se estabeleça nos corações, individualmente, e na sociedade.
  • Está ao alcance de todos: as crianças, os jovens e os adultos, todos podem oferecer algo ao Sagrado Coração de Jesus.
  • A Hora de Presença pode ser iniciada com a seguinte oração:
  • “Divino Jesus, presente no Tabernáculo, eu Vos ofereço esta Hora de Presença, com todas as minhas ações, alegrias e penas, para glorificar vosso Coração por este testemunho de amor e de reparação. Possa essa oferta aproveitar a meus irmãos. Convosco, ‘por eles santifico-me, para que eles também sejam santificados na verdade’. (Evangelho de São João, capítulo 17, versículo 19). Sagrado Coração de Jesus, venha a nós o vosso reino! Nossa Senhora do Sagrado Coração, rogai por nós!”.

    Os membros da Associação Hora de Presença na cidade de São Paulo e região reúnem-se mensalmente no Mosteiro da Visitação de Santa Maria - Rua Dona Inácia Uchôa, 208 – Vila Mariana.

     

 

Rua Dona Inácia Uchoa, 208, Vila Mariana
São Paulo - SP - CEP 04110-020 - Tel: (11) 55793948